Nove tendências nas redacções em todo o mundo. Na Suécia, jornalistas podem ser presos se revelarem as fontes confidenciais

 Oleg Dergachov

Oleg Dergachov

O relatório Trends in Newsrooms 2015, que foi divulgado esta semana, identifica nove tendências nas redacções de todo o mundo, entre as quais a erosão da protecção das fontes, a segurança dos jornalistas e o crescimento da cibermisoginia em relação às mulheres jornalistas.
Na sequência do “efeito Snowden”, aumentou a ameaça aos dados dos jornalistas, o que leva os profissionais e as fontes a adoptarem procedimentos cautelares perante a erosão na protecção das fontes.

.
Alan Rusbridger, antigo editor do “Guardian”, entende que se tornará «muito difícil» fazer jornalismo investigativo no Reino Unido, no estado actual de vigilância aberta ou oculta.
Em contrapartida, na Suécia a legislação que protege as fontes confidencias é tão forte que os jornalistas podem ser presos se as revelarem. Ler mais

.

JUNTAS

por El Maria

 

 

carnes tremulas 2

carnes tremulas 3

carnes tremulas 1

 

Eu irei abrir suas juntas Rasgar sua pele E sentir a saliva atravessar como um rio nas margens dos dentes
A dor salgada na espinha
Frio gemido do instante capturado Como presa quente e ruidosa
Causar agonia paralisante Fazer as extremidades congelarem e adormecerem O ventre gritar, e contorcer
As entre anjas Fazer mensuras O peito dar saltos no teto Desossar
Abrir a fonte

 

Pedro Almódovar, Carne Trémula

 

 

Fonte confiável

No Brasil, a polícia prende jornalistas e ninguém procura investigar os reais motivos. Todos confiam num release da polícia. Um release repetido pelo Brasil inteiro, solto na grande rede e publicado no dia da prisão de Ricardo Antunes, 5 de outubro último, antevéspera das eleições.

Nunca mais os jornalistas tocaram no assunto. Por que não falam com o preso?

Parece muito convincente a verdade policial – do carcereiro – de que uma notícia, em um blogue desconhecido, vale um milhão de dólares.