Independência ou morte


andradetalis

Eduardo Cunha é o político perfeito do século XIX que acha que o século XXI não é suficiente para o desmascarar.

por Miguel Esteves Cardoso
Público/ Portugal


Continuo fascinado pelos protagonistas do impeachment da Presidente Dilma Rousseff. O vilão mais Dickensiano é Eduardo Cunha, o Presidente da Câmara dos Deputados.

Eduardo Cunha é sublimemente descarado. Arnaldo Jabor e muitas outras pessoas inteligentes dizem que ele é um psicopata. Mas com admiração. E como quem o desculpa: os psicopatas não sentem culpa.

Eduardo Cunha não é apenas um beato hipócrita cuja fé em Deus não é abalada pelo pragmatismo de ter milhões de francos suiços em bancos da mesma nacionalidade.

Eduardo Cunha, quando votou pelo impeachment da Presidente Dilma, disse “Que Deus tenha misericórdia desta nação. Voto sim”.

Eduardo Cunha é membro da igreja Assembleia de Deus. Quando fala faz questão de aborrecer quem o ouve. É esse o toque…

View original post mais 117 palavras

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: