Independência ou morte


andradetalis

Privatização das praias brasileiras acontece de maneira cada vez mais acelerada. Sob as vistas grossas dos poderes locais e Judiciário, condomínios e comércios barram lazer de quem não tem propriedade ou poder de consumo.

Recentemente, blogueiros denunciaram a praia da família Marinho em Paraty — RJ, encravada no melhor ponto da Mata Atlântica brasileira.

Para ser erguida hoje, de acordo com o portal DCM, a mansão custaria cerca de R$ 8 milhões, pelas dificuldades técnicas e qualidade do material, cerca de R$ 6 mil por m² e poderia ser vendida por algo em torno de 20 a 80 milhões com o terreno. Apesar da propriedade ser privada, todas as praia brasileiras são públicas por lei.

Indaga o jornalista Marcos Simões: “É pobre que privatiza? São associações populares? Ou são os ladrões poderosos e ricos, os acima da lei?”.

A Constituição proíbe. Pernambuco possui várias praias particulares. Prefeitos e vereadores são os principais…

View original post mais 711 palavras

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: