Independência ou morte


Primeiro-ministro grego e outros altos responsáveis políticos já votaram no referendo em que se joga o futuro da Grécia e da Europa.

publico.750

Em declarações ao jornal alemão Bild, Varoufakis reiterou que renunciará ao cargo se o “sim” vencer. Acrescentou, no entanto, que o “sim” não terá a maioria dos votos.

11:49 A mensagem que o ministro grego das Finanças, Yanis Varoufakis, quis deixar aos jornalistas foi que este dia é “um momento de esperança para toda a Europa” e que o referendo pode demonstrar que “a moeda única e a democracia são compatíveis entre si”.

11:40 O primeiro-ministro italiano, Matteo Renzi, afirmou hoje que os europeus devem “começar a falar uns com os outros novamente”, seja qual for o resultado do referendo na Grécia.

“Quando se vê um pensionista a chorar frente a um banco, percebe-se que um país tão importante para o mundo e com a sua cultura como é a Grécia não pode acabar assim”, disse Renzi ao jornal Il Messaggero, referindo-se a uma imagem de Giorgos Chatzifotiadis, de 77 anos de idade, em Thessaloniki. Na entrevista, citada pela AFP, o primeiro-ministro italiano disse que, logo que a votação termine e seja qual for o resultado, “deve-se iniciar imediatamente as conversações” e “ninguém sabe melhor isso do que Angela Merkel”, a chanceler alemã. Acompanhe a votação

Alexis Tsipras no momento em que depositou o seu voto no referendo REUTERS/CHRISTIAN HARTMANN

Alexis Tsipras no momento em que depositou o seu voto no referendo REUTERS/CHRISTIAN HARTMANN

O ministro das Finanças grego Yanis Varoufakis na votação do referendo em Atenas, GréciaAFP / ANGELOS TZORTZINIS

O ministro das Finanças grego Yanis Varoufakis na votação do referendo em Atenas, Grécia AFP / ANGELOS TZORTZINIS

O ministro das Finanças alemão, Wolfgang Schäuble, numa parede em Atenas REUTERS/YANNIS BEHRAKIS

O ministro das Finanças alemão, Wolfgang Schäuble, numa parede em Atenas REUTERS/YANNIS BEHRAKIS

Manifestação de esquerda na Turquia em solidariedade com o povo grego. OXI em grego é Não. AFP/OZAN KOSE

Manifestação de esquerda na Turquia em solidariedade com o povo grego. OXI em grego é Não. AFP/O

Meyisti, Grécia REUTERS/CATHAL MCNAUGHTON

Meyisti, Grécia REUTERS/CATHAL MCNAUGHTON

Boletim de voto do refenfo em Atenas, Grécia REUTERS/CHRISTIAN HARTMANN

Boletim de voto do refenfo em Atenas, Grécia REUTERS/CHRISTIAN HARTMANN

A lua brilha no horizonte junto a escola em Atenas onde os gregos votam hoje REUTERS/YANNIS BEHRAKIS

A lua brilha no horizonte junto a escola em Atenas onde os gregos votam hoje REUTERS/YANNIS BEHRAKIS

Uma bandeira grega rasgada na ilha de Kastellorizo REUTERS/CATHAL MCNAUGHTON

Uma bandeira grega rasgada na ilha de Kastellorizo REUTERS/CATHAL MCNAUGHTON

Advertisements

Comentários a: "Ao minuto: “A democracia vai ganhar ao medo”, disse Tsipras na hora de votar" (1)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: