Joaquim Barbosa cobrou 60 mil da Câmara de Vereadores de Itajaí para falar de corrupção.


andradetalis

As despesas do evento foram custeadas pela Câmara de Vereadores de Itajaí (SC); Barbosa exigiu sigilo do valor cobrado pela palestra e a liberdade de deixar de responder a perguntas consideradas “inadequadas”

1469-11460

Joaquim Barbosa discursou sobre Ética e Administração e relatou suas experiências a frente do STF e de sua visão sobre o sistema político brasileiro. Ao fim de sua explanação o ex-ministro ainda respondeu a uma série de perguntas encaminhadas pelo público sobre temas como a redução da maioridade penal e a corrupção no país.

O ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa recebeu R$ 60 mil por uma palestra de uma hora que ministrou no dia 13 de abril na cidade de Itajaí, em Santa Catarina, sobre Ética e Administração. As despesas, que incluíam passagens, segurança e hospedagem, foram pagas pela Câmara de Vereadores da cidade.

Entre as condições impostas por Barbosa para aceitar o convite, estava…

View original post mais 49 palavras

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s