Acusado de roubar 5 reais, menino de dez anos é forçado a se despir para ser revistado em escola


boca
Isso no Estado de São Paulo, que o Governo pagou 500 milhões a mais aos donos da área onde está instalado o Parque Villa Lobos. Um roubo de meio bilhão, via precatório super, super faturado.
Um aluno de 10 anos foi obrigado por funcionários a tirar a roupa para ser revistado numa escola pública de Tatuí, região de Sorocaba. Acusado de ter se apossado de 5 reais de um colega, ele foi levado ao banheiro e teve de ficar só de cueca. O dinheiro não estava com ele. O caso aconteceu no dia 30, mas a mãe do estudante, a secretária Paula Cazere, procurou a Polícia Civil só após ter a confirmação do ocorrido por um colega do menino, nesta quinta-feira (7). A Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) abriu inquérito e ouvirá os funcionários envolvidos.

Paula acusa a Escola Municipal Professora Eunice Pereira de Camargo de constrangimento ilegal e entrará na Justiça contra a prefeitura. Também revelou que, além de ser acusado injustamente de furto, o filho passou por tanto constrangimento que tem se negado a ir à escola por vergonha dos colegas. Paula afirmou que, no momento em que o filho era revistado, o colega que o acusou achou o dinheiro na própria mochila.  (AE)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s